Convide seus amigos para fazer parte da Socie usando o seu link de afiliado: Clique aqui

Maus Tratos de Animais Município de Mauriti-Ceará

Os abandonos de animais é crime na lei federal no Brasil

Os cães são os melhores amigos do homem, mas o homem é o que do animal? Alguns que tratam os animais como simples coisas, mas não podemos generalizar. Porém podemos dizer que os maus-tratos ficam mais evidentes a cada dia. Como é o caso da cachorra Tchutchuca, que foi encontrada na rua em estado deplorável a beira da morte, mas recebeu cuidados e hoje alegra o quintal da casa de Thiago Oliveira Catana, membro de um grupo voluntário que cuida de animais abandonados e maltratados.

A Organização Mundial da Saúde estima que só no Brasil existam mais de 30 milhões de animais abandonados, entre 10 milhões de gatos e 20 milhões de cães. Em cidades de grande porte, para cada cinco habitantes há um cachorro. Destes, 10% estão abandonados. No interior, em cidades menores, a situação não é muito diferente. Em muitos casos o numero chega a 1/4 da população humana.           

  

Em Araçatuba, no interior de São Paulo, são mais de 35 mil animais, destes, 2,6 mil estão abandonados. A cidade de Bauru tem quase 50 mil gatos e cães, o Centro de Zoonoses não soube informar o número de abandonados. Marília conta com mais de 60 mil e a estimativa é que três mil cachorros vivam na rua. Presidente Prudente tem 52 mil animais, com 2,6 mil abandonados. Em São José do Rio Preto são 90 mil.

O Brasil não tem leis efetivas para defender os animais, principalmente de maus-tratos, o que já existe em outros países. Enquanto o exemplo não é seguido, cabe a pessoas como a diarista Jania Aparecido Pinto, que tentar minimizar o abandono, mesmo que seja de maneira improvisada. Ela tem paixão por gatos e cuida de 26. Ela consegue alimentar e dar assistência médica com a ajuda de um grupo de voluntários. 

O Brasil não tem leis efetivas para defender os animais, principalmente de maus-tratos, o que já existe em outros países. Enquanto o exemplo não é seguido, cabe a pessoas como a diarista Jania Aparecido Pinto, que tentar minimizar o abandono, mesmo que seja de maneira improvisada. Ela tem paixão por gatos e cuida de 26. Ela consegue alimentar e dar assistência médica com a ajuda de um grupo de voluntários.

Aprotetora dos animais Joelma Nascimento esteve no Estado do Ceará para visitar seu pai, ficou muito triste com a situação dos abandonos de cães nas ruas em estado muito grave a saúde deles. Ela pede apelo aos protetores de animais do Ceará que tome providências em cada cidade seja resolvido para a melhoria dos animais. 

Quero fazer um apelo ao Secretário de Saúde do Município de Mauriti-Ceará, ao Prefeito(Mano Morais), aos Vereadores, pra buscar soluções pra esses animais abandonados, visto que é questão de saúde pública. Olhem o Estado dessa inocente cadela e milhares de outros que vagam pelas ruas da Cidade, em busca de alimentos.
Castrações públicas seria uma solução até mesmo para diminuir a população e sofrimento dos mesmos. Gente pelo amor de Deus, são vidas. Tenham mais amor e compaixão pelos animais que são nossos irmãos, filhos do mesmo criador do mundo. Isso é revoltante, vê esses animais implorando praticamente por ajuda dos seres humanos. Essa cadela está no cio, e sofrendo. Daqui a pouco vai colocar mais vidas abandonadas para serem maltratados. Disse a protetora dos animais da Bahia. 

69 Visualizações

Mais artigos: